Cora Residencial
cora-senior-residencial-para-idosos-homens-mulheres

Residencial para Idosos homens e mulheres

Residencial para idosos: o que é diferente para homens e mulheres?

Muitas pessoas têm dúvidas sobre as diferenças entre homens e mulheres no Residencial para Idosos. Será que o procedimento de institucionalização é diferente? Lá dentro, o tratamento é igual? Para responder a essas e outras perguntas, conversamos com a doutora Ana Catarina, médica da equipe Cora. Confira!

Eles e elas: por que há mais mulheres nos residenciais?

Segundo a geriatra da Cora, Dra. Ana Catarina Quadrante, é comum que existam mais mulheres do que homens em residenciais para idosos porque as mulheres vivem mais. Consequentemente, a quantidade de pessoas idosas do sexo feminino é maior.

De acordo a Organização Mundial da Saúde, a expectativa de vida das mulheres é 5 anos mais alta que a dos homens. Um estudo na Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, aponta que os índices de estrogênio no corpo feminino podem estar relacionados a isso. O hormônio teria a capacidade de proteger os telômeros, parte dos cromossomos responsáveis pela longevidade.

Uma pesquisa da University College London, em Londres, sugere que o fato das mulheres terem dois cromossomos X também pode estar ligado à longevidade. Os cientistas explicam que, além da duplicidade funcionar como uma espécie de cópia de segurança, a unidade X carrega mais genes prolongadores da vida. Como nos homens a combinação é XY, há uma redução do componente.

Mais um fator que influencia na expectativa de vida dos sexos é a cultura. De acordo com um artigo científico da Universidade do Alabama, nos Estados Unidos, mulheres de sociedades ocidentais costumam ir mais ao médico e cuidar melhor da saúde ao longo dos anos. Enquanto isso, incentivos ao sexo masculino para comportamentos violentos colaboram para que mais homens morram em conflitos armados e acidentes de trânsito.

No entanto, graças às campanhas de conscientização antiviolência, os estudiosos acreditam que nos próximos anos essa causa deixará de existir e a expectativa de vida masculina aumente.

Homens e mulheres: o que é diferente e o que é igual nos residenciais para idosos

A Dra. Ana Catarina Quadrante explica que não há diferença no processo de institucionalização de homens e mulheres. O procedimento é igual para ambos e deve levar em consideração o que o idoso gosta e do que precisa. As diferenças estão relacionadas a cada indivíduo – ou seja, a sua personalidade, necessidades e preferências, e não ao sexo ou gênero.

Uma vez vivendo no Residencial para Idosos, os cuidados permanecem iguais para todos, preservando as necessidades de cada um. Em outras palavras, não há diferença no cuidado entre homens e mulheres por conta do sexo – a equipe fornece toda a atenção e atendimento sem qualquer distinção. Em paralelo, o time é treinado para captar os desejos de cada pessoa e respeitar a individualidade.

Alguns preferem ficar mais quietos, outros gostam de conversar mais. Existem os que preferem artesanato, e os que gostam de pintura. E independentemente do sexo, a equipe atende as demandas coletivas e individuais igualmente.

4.9/5 - (8 votes)

Receba nossos conteúdos por e-mail

Compartilhe o post

Solicite Orçamento

Ligue para nós ou preencha o formulário.

Fale com a Unidade

Entre em contato com a Unidade Cora.

Para celebrar o Dia Mundial do Café, comemorado em 14 de abril, realizamos em nossas unidades uma deliciosa Oficina Culinária, com algumas variações dessa bebida que é presença marcante no dia a dia dos brasileiros.

Os residentes puderam provar receitas que trazem café, leite e outros ingredientes. Também foi ofertada uma nutritiva vitamina de banana e mel, que fez muito sucesso entre os moradores.

As bebidas foram enriquecidas com suplementos da marca Nestlé, que possuem proteínas, vitaminas e minerais essenciais para a saúde dos idosos.

No mês de março, recebemos em nossas Rodas de Conversa as nutricionistas Carolina de Senne, Joice Santana, Letícia Trigo, Luana Perucci e Thamiris Buitoni, que fazem parte das equipes multidisciplinares da Cora.

As profissionais apresentaram aos residentes o tema “Mitos e verdades sobre a alimentação” e esclareceram dúvidas sobre assuntos que fazem parte do cotidiano dos idosos.

A atividade contou com um divertido jogo de perguntas e respostas, onde os residentes puderam interagir por meio de placas elaboradas especialmente para a ação. 

Na semana passada, nossos residentes participaram de um animado Café Temático de Páscoa. A ação ocorreu em todas as unidades e contou com música, decoração especial e um cardápio diversificado, com frutas, pães e doces.

Receba nossos conteúdos por e-mail