Hábitos saudáveis são alternativa para reduzir casos de Alzheimer

Hábitos saudáveis são alternativa para reduzir casos de Alzheimer

De acordo com as estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS) e da Associação Brasileira de Alzheimer (ABRAz), em 2050, o número de diagnosticados com Alzheimer deve ser de 152 milhões em todo o mundo. Por isso, especialistas e pesquisadores alertam para a importância da prevenção. 

Um estudo da Universidade de Exeter, do Reino Unido, divulgado na Conferência Internacional da Associação de Alzheimer, realizada em Los Angeles, em 2019, constatou que o risco de desenvolver demência é 32% menor em pessoas com um estilo de vida saudável, mesmo que tenham predisposição genética.

Em contrapartida, foi constatado que o risco de desenvolver alguma demência é três vezes maior em indivíduos que apresentem condição genética e possuam hábitos não saudáveis, como tabagismo, sedentarismo e dieta alimentar irregular. A pesquisa analisou 197 mil pessoas com mais de 60 anos.

Ainda que não exista um medicamento para a cura do Alzheimer e outras demências, a medicina aposta na prevenção como forma de evitar o aumento no número de pessoas diagnosticadas com esse quadro, dadas as expectativas de envelhecimento da população. 

Cuidar de uma pessoa com Alzheimer em casa não é uma tarefa fácil.  Os desafios tornam-se cada vez mais frequentes, exigindo dedicação e paciência.  

Constantemente, o diagnóstico gera estresse físico e emocional em toda a família, geralmente provocados pelas alterações no cotidiano e o avanço da doença. Por isso, é essencial criar um plano de ação que facilite o dia a dia de todos os envolvidos.

Organize o dia – uma agenda bem estruturada ajuda a pessoa com Alzheimer a manter um senso de organização. Quando o idoso ainda é independente, repasse com ele as atividades que serão realizadas durante o dia. 

Atividades – realizar atividades prazerosas mantém o familiar diagnosticado com Alzheimer ativo. Exercícios físicos, por exemplo, podem ser ótimas opções de estímulo.

Memória – uma ótima opção para ativar a mente do idoso diagnosticado com Alzheimer é fazer com que ele lembre de sua própria história. Para reviver alguns momentos, é interessante utilizar álbuns de fotos e músicas de sua época.

Disposição de objetos – para que o idoso se sinta mais confortável e bem localizado, é importante sempre manter o lugar de cada objeto. Também conserve armários e guarda-roupas organizados. 

Comunicação – trate a pessoa com Alzheimer da forma correta, como um adulto. Busque sempre ser claro e objetivo, olhe nos olhos e dê tempo suficiente para respostas. Não discuta e nem faça perguntas que não podem ser respondidas. 

Segurança – para manter o seu familiar seguro, adote algumas medidas como usar cadeados em armários com objetos que possam ser perigosos. Verifique a temperatura da água e evite assoalhos e tapetes que facilitem quedas. 

Tempo – a noção de tempo vai diminuindo conforme a doença avança. Para ajudá-lo a se localizar, é importante manter um calendário próximo. Uma dica é marcar a passagem dos dias junto com o familiar diagnosticado com Alzheimer.   

“Cada vez mais há comprovação de que o estilo de vida pode contribuir para evitar ou retardar os sintomas. O controle dos fatores de risco cardiovasculares, a manutenção de atividades sociais e de lazer, além da prática de atividades físicas, também são protetores contra a doença”, afirma a geriatra da Cora Residencial Senior, Dra. Ana Catarina Quadrante.

Para melhorar a qualidade de vida de pessoas com Alzheimer, a Cora Residencial Senior, referência em ILPIs (Instituições de Longa Permanência para Idosos) no Brasil, tem desenvolvido estratégias que incluem atividades físicas e cognitivas, aliadas à dieta balanceada e o convívio social.

Entre em contato conosco e conheça!

Receba nossos conteúdos por e-mail

Compartilhe o post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Receba nossos conteúdos por e-mail

Este site utiliza cookies e scripts externos para melhorar a sua experiência.