Dia Mundial do combate à diabetes

Dia Mundial do combate à diabetes

No dia 14/11, é comemorado o Dia Mundial do combate à diabetes. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), 1 em cada 11 pessoas no mundo possui diabetes, o que, em números aproximados, chega a 422 milhões de diabéticos.

O propósito da criação deste dia é conscientizar e alertar as pessoas sobre a doença, que gera muitas vezes até preconceitos por quem não tem informações suficientes.

E, seguindo esse propósito, confira agora o que é a diabetes e como tratá-la:

O que é?

Primeiro, é preciso explicar o que é a insulina: Produzido pelo pâncreas, é o hormônio que permite a entrada do açúcar nas células, o transformando em fonte de energia e reduzindo a glicemia.

Quando o pâncreas não consegue produzi-la, ou há um mau funcionamento, os níveis de glicose (açúcar) no sangue aumentam consideravelmente, gerando a diabetes.

Tipos de diabetes

  • Tipo 1

Surgindo na infância ou adolescência e representando 5 a 10% dos casos, a diabetes tipo 1 é uma doença hereditária e acontece quando o sistema imunológico falha, atacando as células que produzem a insulina, impedindo o pâncreas de produzir.

  • Tipo 2

Sendo a variação mais contraída de todas (90% dos pacientes), a diabetes tipo 2, diferente do 1, acontece quando há uma resistência do corpo à insulina. Com isso, o pâncreas começa a produzir mais do hormônio, tentando compensar. Porém, por conta do excesso, em algum momento, o que pode demorar anos ou dias, os órgãos se cansam e há uma falha, disparando o açúcar e o deixando em níveis altos permanentemente.

Como tratar e Prevenir?

  • Tratamentos:

Tipo 1: Geralmente, o médico combina dois ou mais tipos de insulina, tendo sua ação, rápida, intermediária ou lenta. É extremamente importante o uso de um glicosímetro, para sempre saber os níveis de glicose do sangue;

Tipo 2: Inicialmente, é receitado apenas um remédio, ingerido de uma a três por dia. Porém, o número de remédios aumenta com o passar do tempo, como consequência da evolução da diabetes. Esses medicamentos são usados na tentativa de corrigir a produção do hormônio;

  • Prevenção:

Para o tipo 1, não existe uma forma de prevenção, já que, como citado mais acima, é uma versão hereditária da doença, sendo transmitida geneticamente e, assim, não havendo possibilidade de evitá-la.

Já para o tipo 2, as prevenções são:

  • Alimente-se de forma saudável: Consuma diariamente alimentos ricos em sais minerais, vitaminas e fibras, como frutas, legumes e verduras;
  • Faça exercícios físicos regularmente: Faça, no mínimo, 150 minutos semanais de exercícios físicos. Esse tempo equivale a 30 minutos de atividades por dia, contando apenas os dias da semana;
  • Perca a barriga: Apesar de não parecer, o excesso de gordura especificamente na barriga aumenta o risco da contração de diabetes tipo 2. Isso ocorre porque a gordura abdominal sobrecarrega o pâncreas;
  • Fique longe do álcool: Bebidas alcoólicas possuem altos níveis calóricos e, como você acompanhou no texto, isso é altamente prejudicial para a diabetes;
  • Faça avaliações médicas periodicamente: Nesta dica, não há muitos segredos. Consulte regularmente um médico, para que a doença seja diagnosticada o mais rápido possível, caso exista. Faça isso, principalmente, se possuir familiares que têm esta condição.

A Cora Senior é um residencial para idosos que tem como uma de suas prioridades a prevenção de doenças como o diabetes. Em nosso planejamento de rotina saudável, incluímos exercícios voltados para o fortalecimento e melhora do sistema imunológico, exercícios em grupo, além de um plano alimentar elaborado por profissionais da nutrição, que também colaboram diretamente na prevenção desta enfermidade.

Um residencial para idosos com foco na qualidade de vida

O residencial para idosos Cora possui uma estrutura completa para cuidar da saúde do seu familiar idoso, contando com um corpo de profissionais especializados com foco na qualidade de vida e bem-estar.

Médicos geriatras, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, farmacêuticos e cuidadores. Todos eles sempre juntos com um único objetivo: cuidar.

Entre em contato conosco!

Compartilhe o post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Este site utiliza cookies e scripts externos para melhorar a sua experiência. A sua esquerda se especifica quais cookies e scripts são utilizados e como eles afetam a sua visita. Você pode alterar a sua configuração a qualquer momento.

Para saber mais sobre a nossa Política de Privacidade, acesse: https://www.clinicasaintemarie.com.br/politica-de-privacidade

Essas configurações se aplicarão apenas ao navegador e ao dispositivo que você está usando no momento.

Em particular, este site utiliza o Google Analytics, um serviço de análise web fornecido pela Google, Inc. com sede nos Estados Unidos, com sede em 1600 Amphitheatre Parkway, Mountain View, ca 94043.

Para a prestação destes serviços, o Google utiliza cookies que coletam informações, incluindo o endereço IP do usuário, que será transmitida, tratada e armazenada pelo Google nos termos fixados na web Google.com. Isso inclui a possível transmissão de tais informações a terceiros por motivos de exigência legal ou quando estes terceiros processem a informação por conta do Google.

Para consultar o tipo de cookie utilizado pelo Google, além do cookie do Google+ e Google Maps na url abaixo:
>>>https://policies.google.com/technologies/types?

O Google Ad utiliza cookies para exibir anúncios personalizados neste site. Você pode desativar o uso do cookie DART através do anúncio do Google ou acessando diretamente este link https://support.google.com/adsense/troubleshooter/1631343?hl=pt-BR.

Usamos empresas de publicidade de terceiros para veicular anúncios quando visita o nosso website. É possível que estas empresas utilizem a informação que recebem de suas visitas a este e a outros websites (sem incluir o seu nome, endereço, endereço de e-mail ou número de telefone) para lhe fornecer anúncios sobre produtos e serviços que lhe são de interesse.

Ao usar este site, você concorda com o processamento de dados pelo Google na forma e para os fins indicados.

Cookies de redes sociais podem ser armazenadas no seu navegador enquanto você navega pelo blog, por exemplo, quando você usa o botão de compartilhar um artigo em alguma rede social.

As empresas que geram esses cookies correspondentes as redes sociais que utiliza este blog tem suas próprias políticas de cookies:

Cookie do Linkedin, segundo o disposto em sua Política de cookies.
->https://www.linkedin.com/legal/cookie-policy?trk=hp-cookies

Cookie de Facebook, de acordo com o disposto em sua Política de cookies.
->https://www.facebook.com/policies/cookies/

Cookie do YouTube, de acordo com o disposto em sua Política de cookies.
->https://policies.google.com/technologies/cookies?hl=pt

Cookie de Instagram, segundo o disposto em sua Política de cookies.
->https://help.instagram.com/1896641480634370?ref=ig

Assim, as implicações de privacidade serão em função de cada rede social e dependem da configuração de privacidade que tenha nessa rede.

Em nenhum caso podemos obter informações de identificação pessoal de cookies.

Este site utiliza cookies e scripts externos para melhorar a sua experiência.