Cora Residencial

Importância da educação financeira para a terceira idade

A educação financeira para a terceira idade vai além de manter as contas em dia, permitindo conquistar a liberdade para fazer escolhas que impactem diretamente na qualidade de vida.  

Afinal, os devidos cuidados com as finanças asseguram maior tranquilidade e independência nessa fase da vida.  

Mas, por onde começar? E por que é preciso adquirir esses conhecimentos agora? Vamos apresentar essas questões com dicas importantes para viver a terceira idade de forma plena. Acompanhe! 

Cuidados financeiros na terceira idade: por que? 

A vida financeira dos idosos é frequentemente complicada por aumento dos custos de saúde e a necessidade de adaptações na moradia para garantir segurança e conforto.  

Outro ponto que influencia o orçamento é a necessidade de contratar uma rede de apoio para uma rotina adequada, que não coloque em risco a integridade física e emocional

Para muitos, essas questões surgem como obstáculos inesperados, exigindo decisões que afetam diretamente seu bem-estar e estilo de vida. 

Assim sendo, a educação financeira para a terceira idade surge colabora para o gerenciamento eficiente de recursos, garantindo a cobertura de necessidades básicas, a realização de desejos e projetos pessoais.  

Essa forma de empoderamento financeiro permite maior controle e segurança, aspectos fundamentais para uma vida plena e satisfatória na terceira idade. 

Portanto, os cuidados adequados com as finanças vão além de números. Trata-se de construir uma base sólida, adotando um planejamento que supere desafios, como: 

Falta de conhecimento para cuidar das finanças 

A capacidade de entender e aplicar conhecimentos financeiros é essencial, também, na terceira idade. Além de gerenciar as despesas diárias, com informação, o idoso poderá fazer escolhas informadas sobre investimentos, assegurando uma aposentadoria mais estável. 

Educação financeira para a terceira idade protege contra fraudes 

Infelizmente, fraudes e golpes são comuns entre idosos. Por esse motivo, compreender os princípios financeiros básicos ajuda a identificar sinais de alerta e adotar práticas seguras, minimizando o risco de exploração financeira. 

Desvalorização da renda disponível 

Bons conhecimentos nas finanças pessoais, permite aos idosos gerir melhor seus recursos, escolher as melhores opções de investimento e otimizar seus rendimentos.  

Dessa forma, a educação financeira para a terceira idade resulta em um rendimento sustentável que garantirá um estilo de vida confortável na terceira idade. 

Falta de controle dos custos com saúde 

Diante do aumento contínuo dos custos de saúde, é preciso entender melhor planos de seguros complexos e a gerir despesas médicas com eficiência. Esse conhecimento é muito importante para planejar cuidados de saúde futuros e evitar a ansiedade por medo de gastos inesperados. 

Falta de planejamento patrimonial 

O planejamento patrimonial é outro componente da educação financeira para terceira idade, permitindo-lhes distribuir seus bens e assegurar o bem-estar de entes queridos de acordo com seus desejos.  

Entender as nuances de testamentos, fundos fiduciários e impostos sobre herança é essencial para preservar o legado familiar e realizar seus desejos sobre o assunto. 

Dicas para elaborar um bom planejamento financeiro 

Iniciar um planejamento das finanças pode parecer uma tarefa desafiadora, mas com as estratégias e recursos certos, é totalmente possível e altamente benéfico.  

Muitos idosos podem se sentir intimidados, imaginando que será preciso ter conhecimentos em conceitos financeiros. Mas, na verdade, esse planejamento pode ser feito de forma mais simples, seguindo as dicas a seguir. 

Comece com o básico 

A educação financeira para a terceira idade deve iniciar pelo entendimento de como criar e gerenciar um orçamento, o que inclui viver dentro dos próprios meios, evitando dívidas desnecessárias.  

Uma planilha básica, com anotações de entradas e saídas, dará uma visão mais detalhada das finanças, ajudando a manter os gastos sob controle. 

Aproveite os recursos tecnológicos 

Familiarizar-se com a tecnologia é outra estratégia importante para a educação financeira para a terceira idade.  

Utilizar aplicativos bancários e plataformas de investimento online, torna a gestão financeira mais acessível e menos intimidadora. 

Se preciso, procure consultoria financeira profissional 

Para uma orientação mais personalizada, o auxílio de um especialista financeiro especializado pode ser a melhor saída.  

Esses profissionais ajudam a desenvolver estratégias que consideram a renda fixa e as necessidades específicas do idoso, maximizando a renda de aposentadoria e investindo de forma segura. 

Educação financeira para a terceira idade: explore o aprendizado virtual  

Hoje em dia, é muito fácil participar de cursos, oficinas e workshops virtuais sobre qualquer assunto de interesse, inclusive quando se trata de educação para as finanças. 

Você poderá se surpreender com a quantidade de oportunidades disponibilizadas e que ajudarão a ter maior controle sobre suas finanças. 

Viver em um lar de qualidade para idosos é um investimento seguro 

Quando pensamos em educação financeira para a terceira idade, logo vem à mente as despesas que essa fase da vida exige.  Entre eles: 

  • Cuidados com a saúde e medicamentos: com o avançar da idade, as despesas com saúde tendem a aumentar significativamente. Isso inclui custos com consultas médicas, tratamentos, medicamentos de uso contínuo e possíveis intervenções cirúrgicas; 
  • Assistência e cuidados de longo prazo: muitos idosos requerem cuidados especiais, como assistência domiciliar, serviço que representa um custo significativo; 
  • Adaptações na moradia: para viver com conforto e segurança, pode ser necessário adaptar a residência, incluindo a instalação de barras de apoio, rampas para cadeiras de rodas, elevadores e outros dispositivos de assistência. 

Por isso, optar por um residencial de alto padrão é uma escolha inteligente, considerando que a estrutura foi criada para atender as necessidades dessa fase da vida. 

No Cora Residencial Senior, por exemplo, o bem-estar dos idosos é prioridade e está refletido em cada detalhe da infraestrutura e dos serviços oferecidos. Assim, nossos residentes desfrutam de ambientes projetados para promover saúde, lazer e socialização, essenciais para uma vida equilibrada e feliz. 

A equipe de profissionais do Cora é composta por especialistas dedicados a oferecer cuidados personalizados, abrangendo as necessidades de saúde física e mental de cada idoso. Sem contar que a equipe está de prontidão 24 horas por dia. 

Essa atenção individualizada é complementada por uma programação de atividades diversificadas, desenhada para estimular a mente, fortalecer o corpo e fomentar conexões sociais positivas.  

Desse modo, investir no Cora é ter acesso a uma estrutura desenvolvida para elevar a qualidade de vida do idoso, proporcionando tranquilidade, tanto para os residentes quanto para suas famílias.  

Convidamos você a conhecer as unidades do Cora e descobrir em primeira mão como podemos enriquecer a vida dos idosos com nosso compromisso com a excelência.  

Agende uma visita e veja o que torna o Cora Residencial Senior o lugar ideal para viver bem e com segurança.  

ESCOLHA A UNIDADE E FAÇA UMA VISITA! 

Receba nossos conteúdos por e-mail

Compartilhe o post

Solicite Orçamento

Ligue para nós ou preencha o formulário.

Receba nossos conteúdos por e-mail