Categorias: Bem-estar

Confira dicas de jardinagem com 10 plantas fáceis de cuidar em casa

Cultivar plantas pode ser um excelente hobby para idosos. Isso porque o contato com a natureza tranquiliza. Além disso, o movimento com as mãos e a tarefa cognitiva deixam corpo e mente em atividade. Por isso, veja dicas de jardinagem com 10 plantas que podem ser cultivadas em espaços pequenos, dentro de apartamentos, ou em jardins mais amplos de casas térreas.

Mas, em primeiro lugar, vamos lembrar as vantagens da jardinagem para as pessoas?

Assim como nós, as plantas seguem o ciclo da vida: nascem, se reproduzem e morrem. Com efeito, acompanhar o nascimento e o crescimento desses seres vivos num jardim é uma verdadeira terapia. Portanto, confira as principais vantagens de ficar em companhia das plantas:

  • alivia o estresse;
  • umidifica o ambiente;
  • reduz o sedentarismo;
  • estimula a cognição;
  • integra o idoso ao meio ambiente;
  • melhora o humor;
  • aumenta a disposição;
  • aumenta a autoestima;
  • melhora a sociabilidade;
  • aumenta a satisfação pessoal.

Assim, com o cuidado que recebem, as plantas respondem com beleza e cor, alegrando todo o ambiente. A pessoa idosa, por sua vez, que assume a responsabilidade por um jardim, ou por um simples vaso de flor, se sente unida à natureza, elevando a sua qualidade de vida.

Por isso, o blog da Cora Residencial Senior separou algumas plantas que podem ser cultivadas em espaços menores ou até mesmo em chácaras ou quintais. Veja a seguir.

1.Espada de São Jorge

A “Espada de São Jorge” é uma planta que necessita de pouca intervenção. Portanto, ela se dá bem em ambientes mais secos e com muito sol. Mas a planta pode ser cultivada em jardins ou em vasos dentro de apartamentos, desde que colocados próximo a janelas ou em sacadas. A dica é regá-la apenas uma vez por semana.

2.Pata de elefante

A planta tem o nome de “Pata de elefante” por ter uma base mais alargada em relação ao tronco. Esse tipo de planta é ideal para jardins e varandas. A pata de elefante concentra bastante água em seu caule, por isso, pode sobreviver a longas estiagens. Suas folhas verdes encantam e deixam o ambiente mais elegante.

3.Violetas

Com várias cores, as “violetas” podem ganhar um cantinho especial no quarto ou no jardim. Elas são fáceis de cultivar, mas também são sensíveis à falta de água e à incidência direta de raios solares, que podem queimar suas folhas. Sendo assim, é bom escolher um lugar do imóvel com luminosidade e temperatura equilibrada. Normalmente, as plantas são comercializadas em vasinhos plásticos. Porém, o ideal é que elas sejam transplantadas num vaso de barro, que absorve melhor a umidade.

4.Cacto e suculenta

Muito charmosas, as “suculentas” normalmente estão na companhia dos cactos, igualmente belos. Elas também podem ser cultivadas em vasos, em ambientes compactos, desde que se tome cuidado com a rega e a adubação. É interessante colocar água toda vez que o substrato estiver seco. Além disso, deve-se tomar o cuidado de não molhar as folhas, mas sim somente o substrato.

5.Árvore da felicidade

Dizem que quem tem a “Árvore da felicidade” em casa sempre tem prosperidade. Portanto, a planta pode ficar frondosa com o passar do tempo. Mas para isso é importante cuidar da nutrição da folhagem, com uma boa adubação e uma rega regular. São, pelo menos, 200 ml de água de duas a três vezes por semana. Também é importante fazer a poda de limpeza, apenas para tirar os galhos secos, e colocar uma estaca para evitar que os ramos caiam.

6.Copo de leite

Como o próprio nome sugere, a planta dá uma flor em formato de copo. Porém, apesar de sua cor original ser o branco, ela também dá em amarelo e verde. O “copo de leite”, também chamado de lírio do Nilo, gosta literalmente de sombra e água fresca. É interessante plantá-la em vasos de 15 litros ou no chão, com distância de 30 centímetros entre uma muda e outra.

7.Samambaias

Existem vários tipos de “samambaias”, mas geralmente elas ficam em vasos aéreos e em lugares distantes da incidência direta dos raios solares, pois eles podem queimar as folhas. O ideal é regar as plantas de uma a duas vezes na semana, sem deixar o substrato encharcado para evitar contaminações.

8.Onze horas

As pequenas flores da planta “onze horas” são um verdadeiro encanto. Pequenas e multicoloridas, elas embelezam o jardim e atraem abelhas e borboletas. As plantas crescem rapidamente, podendo chegar a 30 centímetros de altura, porém, as pequenas flores não costumam passar de 3 centímetros, com apenas cinco pétalas. Ela gosta de lugares à meia-sombra e podem ser regadas até três vezes por semana.

9.Antúrio

O “antúrio” já foi mais usado no passado, sobretudo na decoração de vasos, mas pode-se dizer que ainda não perdeu o brilho. Sendo assim, ele é a planta preferida das pessoas que querem embelezar pequenos ambientes que não recebam o sol diretamente. Afinal, o antúrio é sensível aos raios solares. O ideal é plantá-lo em vasos e deixá-los na sombra. Nas estações mais quentes, pode-se regá-lo até duas vezes por semana, mas deve-se reduzir a frequência no inverno.

10.Jade

Popularmente, diz-se que a “jade” é uma planta que atrai sorte, dinheiro e amizades. Mas, quem sabe, o elemento mais encantador são as suas folhas carnudas, que lembram muito as suculentas. Ela adapta-se facilmente em vasos em pequenos ambientes e exige pouca água para viver, porém, necessita de bastante luminosidade diariamente.

Portanto, para concluir, a pessoa idosa que tem contato diário com plantas tende a reduzir o estresse e ter mais qualidade de vida. Por isso, basta seguir as dicas de jardinagem para cultivar a planta preferida ou, quem sabe, montar um pequeno jardim num espaço da casa.

Na Cora Residencial Senior, os residentes têm contato direto com a natureza em plena São Paulo. Isso porque as nossas cinco unidades instaladas em diferentes regiões da capital possuem amplos jardins com livre acesso por parte dos residentes. Assim, o ar refrescante e o verde dão o toque especial.

Para conhecer nossas unidades, navegue no site da Cora.

Deixe seu comentário

Postagens recentes

Pessoas acamadas: conheça os principais problemas de saúde que as afetam

Pessoas acamadas exigem um trato especial para proporcionar bem-estar e, ao mesmo tempo, não adquirirem novas doenças. A falta de… Leia mais

8 horas atrás

Confira 15 dicas de filmes

Nada como um bom filme para dar boas risadas ou se inspirar em belas histórias, não é mesmo? Mas são… Leia mais

1 semana atrás

Glaucoma tem cura? Veja mitos e verdades sobre a doença

O glaucoma é uma doença ocular responsável pela segunda maior causa de cegueira no mundo, atrás apenas da catarata. A… Leia mais

1 semana atrás